Bater ou Não Bater?

7 de junho de 2013 11 comentários


• Bater não faz a criança mudar de comportamento, pois não ensina alternativas de comportamento.

• Bater ensina a criança que a agressão é uma forma aceitável para se resolver problemas ou expressar raiva.

• Bater gera sentimentos negativos na criança.

• Bater pode causar ferimentos e levar até a morte.

• Bater viola os Direitos da criança, não sendo permitido pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Portanto, bater é contra a lei!

• Bater é um ato de covardia: o adulto é grande e forte, a criança é imatura e
frágil.

• Bater ensina agressividade e a fugir do agressor. Muitas crianças fogem de casa e moram na rua por causa de agressões físicas dos pais.

• Bater gera muita raiva e a criança lembra mais da raiva que está sentindo do que da “lição” que a mãe queria dar.

• Uma simples palmada é um ato de violência. Lembre-se: a violência pode crescer - primeiro um tapa, depois safanões e agressões fortes. CUIDADO! MUITO CUIDADO!

• Se você bate no seu filho, como vai fazer para controlar o comportamento dele quando ele crescer e se tornar um adolescente?

• Você gosta de ser agredida? 

A gente não deve fazer nos outros aquilo que não gosta para si.


11 comentários:

  • melissa disse...

    Muito bom Toninha!Minha filha não apanhou e é uma criança super educada e carinhosa!Aqui educa-se pelo exemplo!
    Bjs

  • Carol Rodrigues Souza disse...

    Olá Toninha..
    olhando blogs por ai encontrei o seu e de curiosa vim ver, e adorei!! Seus post's são muito informativos e recheados de dicas, e dicas ótimas! Ainda não sou mãe, mas de longe vejo a tarefa, tarefa não; Missão de criar um ser, educa-lo para o mundo.
    Seu trabalho é incrível, parabéns!
    Ah, tenho um blog sobre educação acho que você vai se identificar, fique a vontade para me fazer uma visita! Estou te seguindo, não vou perder nenhum post :D
    Diário de Jardineira

  • Rachel Malheiros disse...

    Não concordo em bater, acho que não é a maneira exata de se educar uma criança

    :)
    http://rachelmalheiros.blogspot.com.br/

  • Cibele Lima disse...

    Acho que bater não resolve...tudo é conversar, explicar...meus pais nunca me bateram e eu pretendo fazer o mesmo com meu filho..bjo

  • MARILENE DOMINGUES disse...

    Olá Toninha! Boa noite! Faz tempo que não passo por aqui, me perdoe minha amiga, a vida é um corre corre danado e as vezes não me sobra tempo para fazer o que mais gosto que é visitar as amigas.Mas cheguei, ufa!
    Concordo com você em todas as palavras ditas,mais vale uma boa conversa , impor o respeito,saber falar com carinho...O melhor caminho para uma boa educação ainda é o amor...
    Beijos com carinho ღ˘◡˘ღ
    Marilene
    folhas flores e sutilezas

  • Letteia Bispo disse...

    Ótima resenha amiga
    Bater não adianta mesmo
    NA MESMA HORA A CRIANÇA faz tudo e piot
    Bjus
    segredosdaluma.blogspot.com.br

  • Mamães em Rede disse...

    Oi minha querida, vc sabe... não bato mesmo! E há quem diga que um tapinha não faz mal, mas não sou a favor nem de tapão e nem de tapinha...rsrs
    Bjus, Genis

  • Zeth Machado disse...

    concordo plenamente,nunca levei um tapa de meus pais,e acho q minha educação é perfeita.Conversar ainda é a melhor disciplina.Adoro suas dicas....Bjus!!!!
    http://dicasdazeth.blogspot.com.br/

 

©Copyright 2013 - Todos os Direitos Reservados - Toninha Ferreira Mundo Mãe | Design By Arte e Design